Aliança dos Crus Bourgeois do Médoc tenta trazer a elite de volta

crus bourgeois

A partir da safra de 2018, um novo sistema de avaliação será introduzido na classificação dos Crus Bourgeois. Os châteaux serão avaliados a cada cinco anos com base nos vários critérios utilizados no processo de Seleção Oficial. Isso incluirá a qualidade do vinho e a condução do vinhedo. Vai se estender a práticas sustentáveis ​​e compromisso com o consumidor. Como o novo sistema a classificação voltará a ter três níveis: Cru Bourgeois, Cru Bourgeois Superior e Cru Bourgeois Exceptional, como antigamente.

A mudança visa a trazer de volta os grandes vinhos que fizeram a reputação da classificação Crus Bourgeois do Médoc. Em 1932 havia apenas 6 Crus Bourgeois Exceptionais. Já na classificação de 2003, que mantinha a hierarquia, eram 9 os châteaux Excepcionais: Chasse-Spleen, Haut-Marbuzet, La Bégorce Zédé, Ormes de Pez, de Pez, Phélan Ségur, Potensac, Poujeaux e Siran. A Aliança dos Crus Bourgeois está fazendo este movimento para atrair de volta a elite do Médoc. O que existe hoje é uma certificação que garante que um Cru Bourgeois está acima da média no Médoc, mas os melhores, isto é, os antigos Superiores e Excepcionais, não participam. Alegam, justamente, que estariam sendo nivelados por baixo. Tomara que dê certo, o vinho francês merece. Santé.

chasee spleen

O Château Chasse-Spleen, um antigo Cru Excepcional.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: